Vem aí o Festival Viva Percussão 2021

Festival Viva Percussão Verão reúne grandes nomes da MPB neste carnaval

Projeto Viva Percussão promove festival, workshop online e oficinas presenciais para jovens no Morro dos Macacos

Vem aí a quarta edição do Festival Viva Percussão Verão, que este ano acontecerá poucos dias antes do Carnaval, cheio de participações especiais. A versão 2021 conta com o apoio da Lei Aldir Blanc e terá workshops online e apresentações musicais. Além disso, incluirá oficinas presenciais no Instituto Dom Pixote, no Morro dos Macacos no início do mês de março. O evento será transmitido no dia 13 de fevereiro, a partir das 14h (workshops) e 18h (shows), pelo Canal do YouTube do Viva Percussão.

O Festival Viva Percussão foi criado e é promovido por Marcelo Amaro. Percussionista, cantor, compositor, educador musical, produtor executivo e musical do projeto Viva Percussão, Marcelo se dedica à música há 25 anos.

“São grandes profissionais e amigos que participam deste encontro de trocas de conhecimentos de saberes e viveres dentro dos caminhos percussivos”, explica Marcelo. “O Festival Viva Percussão é uma forma de confraternizar e mostrar ao público as novidades que estão sendo cultivadas por estes profissionais incríveis que o Brasil tem”, completa.

Marcos Suzano abre shows às 18h

A programação do dia 13 começa às 14h com as Oficinas de Percussão Brasileira. O primeiro tema é percussão afro-brasileira, com as dicas e ensinamentos especiais de Djalma Corrêa (14h) e de Carlos Negreiros (15h). Em seguida, Beloba (16h) e Marcos Esguleba (17h) vão falar e mostrar a percussão do samba.

“Para manter o isolamento social, os workshops serão realizados nas casas de cada um dos percussionistas, mantendo todas as regras de segurança e proteção à saúde. É uma ótima oportunidade para obter dicas sobre como começar a tocar e sobre a prática dos instrumentos musicais de percussão preferidos destes grandes músicos”, afirma Marcelo.

Entre as atrações está Marcos Suzano, que participa do Festival desde sua primeira edição, em 2018. Este ano, assim como em 2019, ele será o curador do evento.  Sendo assim, é ele que vai abrir as apresentações musicais do Festival Viva Percussão com um show solo, às 18h.

Em seguida participarão Marco Lobo (18h30), Pandeiro Repique Duo (19h), o diretor musical Tuti Rodrigues e Fabrício Reis (19h30), Nene Brown e Pedrinho Ferreira (20h), Lan Lanh (20h30). Marcelo Amaro e Joás Santos vão encerrar a programação às 21h.

“A Percussão significa o pulsar do coração e, nesse momento, que rufem os tambores para a cura da Covid-19 através da chegada da vacina”, comemora Marcelo.

Oficinas darão origem a uma Orquestra

Uma das novidades do Festival Viva Percussão este ano são as oficinas de instrumentos presenciais para jovens de 7 a 16 anos, na ONG Dom Pixote, no Morro dos Macacos. A ideia é deixar como legado a Orquestra Viva Percussão que terá atividades frequentes na comunidade.

“O projeto ministrará duas oficinas de confecção de instrumentos musicais étnicos e apresentações. Queremos potencializar talentos da favela e transformar esses jovens em multiplicadores nas atividades culturais e educativas realizadas junto a ONG Dom Pixote”, explica Marcelo.

Confira a programação completa:

Festival Viva Percussão de Verão

Dia 13 de fevereiro de 2021, a partir das 14h

Canal do Viva Percussão no YouTube

Workshops:

14h – Djalma Corrêa Percussão afro-brasileira (afinação e a utilização do trio de congas, o uso dos sinos na percussão e toques no grande tambor, o sopapo)

15h – Carlos Negreiros Percussão afro-brasileira (uso da voz na percussão, tambor de língua e toques no atabaque)

16h – Beloba Percussão de samba (Tantã e a caixa de guerra)

17h – Marcos Esguleba – Percussão de samba (pandeiro, repique de mão, tamborim e prato e faca)

Shows:

18h – Marcos Suzano

18h30 – Marco Lobo

19h – Pandeiro Repique Duo 

19h30 – Tuti Rodrigues e Fabrício Reis

20h – Nene Brown e Pedrinho

20h30 – Lan Lanh

21h – Marcelo Amaro e Joás Santos

Sobre o Viva Percussão

O Festival Viva Percussão foi criado e realizado pelo percussionista, cantor, compositor e educador musical Marcelo Amaro, em 16 de outubro de 2018. O nome foi inspirado na faixa-título do 2° EP autoral do próprio Marcelo Amaro, “Viva a Percussão”. O projeto tem a missão de reforçar e celebrar a significativa importância do percussionista brasileiro.

A criação do Festival é inspirada em eventos emblemáticos, como o Montreux Jazz Festival e o PercPan. Um dos objetivos é traçar diálogos percussivos a partir do Samba, célula rítmica da música brasileira, e suas origens. Entre elas, a Cabula, o Semba, e o Jongo, além de ritmos musicais emblemáticos de norte a sul do País, como o Maracatu, Tambor de Crioula, Chula Raiada, Carimbó, Coco, Moçambique e o Bumba meu boi. O projeto vai além do Festival e tem como meta fomentar, difundir, propagar os fundamentos e valores da percussão brasileira na música e na sociedade em que vivemos.

Veja as edições anteriores:

Festival Viva percussão 2018

Festival Viva Percussão 2019

Festival Viva Percussão 2020

Sobre Marcelo Amaro

O cantor e compositor Marcelo Amaro é sambista por vocação e desde os tempos de guri batucava em latas e panelas. Com dois álbuns, três singles e um DVD lançados o músico sempre manifestou sua gratidão e amor aos grandes símbolos da cultura afro-brasileira como Hilária Batista de Almeida (Tia Ciata), a Rainha Quelé Clementina de Jesus, ao samba urbano e suas origens – Jongo, Samba de Roda e Ijexá.

Em maio de 2019, Marcelo Amaro gravou seu primeiro DVD solo com uma dezena de convidados especiais, no Beco do Rato, na cidade do Rio de Janeiro. O trabalho intitulado ‘Marcelo Amaro Ao Vivo no Beco do Rato’ foi lançado em dezembro do mesmo ano nas principais plataformas digitais e em registro audiovisual no YouTube.

Siga as nossas redes:

Instagram – @vivapercussao

Facebook – @vivapercussao

YouTube – https://bit.ly/youtubevivapercussao

Créditos:
Produção Musical: Marcelo Amaro
Produção Executiva: Marcelo Amaro e Espiral Soluções Socioculturais
Curadoria: Marcos Suzano
Direção Musical: Tuti Rodrigues
Assessoria de Imprensa: Simbiose Conteúdo
Design: Dagema Soluções Criativas
Consultoria de Marketing Digital: Alê Periard
Marketing Digital: Blackbird Marketing Digital
Transmissão Ao Vivo: Jovelina Filmes
Apoio: Dom Pixote
Realização: Viva Percussão

Viva Percussão © 2021 | Desenvolvido por Blackbird